22.png

Informações

A Classe de Improvisação tem já alguma tradição na EMOL. Pretende desenvolver aptidões no campo da improvisação, através de diversos tipos de linguagens contemporâneas: desde o minimal repetitivo ao cromático, ultracromático, ruídos, em diversos contextos, desde polifónicos, homofónicos e texturais. É uma classe de conjunto dirigida a alunos de qualquer instrumento e grau do Curso Básico. A classe participou no projeto Concerto do Vidrão, uma parceria do Orfeão de Leiria com a Valorlis. É atualmente dirigida pelo professor Pedro Rocha.

Pré-Requisitos

Ter gosto pela realização musical de conjunto e prática do instrumento há pelo menos 3 anos.